domingo, 24 de fevereiro de 2008

Persépolis

Marjan Satrapi foi punk em Teerão e metálica em Viena. Não se pode dizer que os seus gostos tenham refinado com a mudança. A vida também não. Ser punk na Teerão dos ayatollahs, nos idos de 70, era um petisco para a polícia de costumes do regime. Ser iraniana em Viena, na passagem da adolescência ao estado adulto, revelou-se uma experiência pessoal tão dura que acabou por regressar ao seu país. Este é um fragmento do argumento do magnífico filme de animação que esta semana estreou em Lisboa e no Porto, intitulado Persépolis. Trata-se de uma autobiografia adaptada às salas de cinema, depois de ter surgido inicialmente como obra de banda desenhada. A animação é de uma encantadora simplicidade, mas essa é apenas a primeira das razões porque não deve perder este filme.

Persépolis conta a história de vida de uma rapariga da pequena burguesia laica de Teerão até ao momento em que decide, em definitivo, imigrar para Paris e, daí, honrar a história dos seus com este conto. É uma narrativa feita na primeira pessoa do singular, escrita e desenhada com sentido de humor, e que mergulha o espectador no universo de uma heroína que não encontra o seu lugar em nenhum dos mundos onde vive.

in Sem Muros.

Pois é, a critica do Miguel Portas despertou-me a curiosidade e lá fui eu à procura do filme neste post do ButterBlog e, como é obvio, encontrei-o mas infelizmente é falado em francês e não tem legendas em inglês sequer. De qualquer forma vale a pena ver, até porque se percebe bem a história pelas imagens e desenhos espectaculares.

Para aguçar o apetite podem ver o Making of do Persepolis, que se encontra no youtube, dividido em 3 partes e legendado em inglês:

  1. PERSEPOLIS making of #1
  2. PERSEPOLIS making of #2
  3. PERSEPOLIS making of #3
Agora vamos ao que interessa, aqui no blog podem ver a versão disponivel no google video, se não conseguirem ver cliquem aqui.


P.S. No TV Shack tem o filme com melhor qualidade de imagem, clicar aqui.

Update:
Para quem viu o filme e não percebeu nada pode fazer o download do livro, em brasileiro, neste link:
http://www.mediafire.com/?6yzftcih4hy

2 comentários:

newsubstance disse...

Este é provavelmente um dos melhores filmes de animação que vi até hoje. Quer pela historia quer pelo traço do desenho. Muito bom mesmo

Fly disse...

O livro tambem está muito bom, ou se calhar melhor ainda.