sábado, 22 de dezembro de 2007

Solstício de Inverno

O Solstício de Inverno, para a astronomia, é o momento em que a Terra está naquele ponto da sua órbita onde um dos seus pólos está mais afastado do Sol. No hemisfério norte ocorre a 21 ou 22 de Dezembro e no hemisfério sul a 21 ou 22 de Junho.

Em Portugal, este ano, ocorre precisamente às 06.08h. do dia 22 de Dezembro.

Desde o Solstício de Verão até ao Solstício de Inverno os dias vão-se tornando mais curtos e frios e na perspectiva de quem vive no hemisfério norte, o Sol parece mover-se para Sul aparentando ficar mais pequeno e fraco.

Para os antigos povos, o encurtar dos dias e o fim das colheitas conforme se aproximava o Solstício de Inverno simboliza a morte. Era a morte do Sol. Neste dia em que a noite é a maior do ano, o falecimento do Sol está consumado. Para o Sol que se moveu continuamente para Sul durante seis meses, atinge agora o ponto mais baixo no céu e, aparentemente, deixa de se movimentar durante 3 dias.

Findo esta pausa, nas redondezas da Constelação de Crux ou Alpha Crucis, o Sol "renasce" a 25 de Dezembro e começa a mover-se, desta vez para Norte, perspectivando maiores dias, calor e... a Primavera.

Este texto foi retirado da 1ªparte do Zeitgeist , um documentário que já falei aqui e que aconselho mais uma vez, a quem não viu, a arranjarem 1 hora e meia (ou talvez um pouco mais) do vosso tempo e a ver porque vale a pena.

Sem comentários: