quinta-feira, 10 de maio de 2007

Nova Polémica (?) com Maomé

No Correio da Manhã, edição impressa de ontem, vinha uma notícia acerca de uma banda desenhada em circulação pela internet e pelos EUA, que retrata o Islamismo com violência. Depois das caricaturas do Maomé (que podem ver aqui) , que já aqui mostrei também, arranjaram mais um bode espiatório para incitar ao ódio intra religioso. Pelas imagens e texto que vi no CM não considero muito chocantes ou provocatórias, mas se calhar nas mentes mais fracas podem ser bastante violentas.
Andei à procura dessa BD no sitio que diziam que se encontrava mas infelizmente não encontrei essas imagens que a comunidade evangélica norte-americana está a colaborar, distribuindo um fascículo de BD, caracterizando o islamismo como religião violenta e Maomé como um assassino implacável, intitulado "Homens da Paz". Essa história faz parte duma colecção da editora Chick Publications que, diz o CM, "pode ser consultado em versão castelhana no site da editora (mas que eu não encontrei), e mostra uma conversa entre um avô e a sua neta, que acredita ser o terrorismo islâmico resultado de deturpações da mensagem de Maomé perfilhadas por um número reduzido de fanáticos. Paralelamente ao retrato sanguinário do Profeta, a BD caracteriza Jesus como o mensageiro do perdão. Para muitos evangélicos o retrato é justo, embora a forma como é apresentada seja reputada de excessiva e inadequada nos tempos que correm".
Esta minha procura não foi infrutífera porque encontrei umas histórias muito engraçadas como é o caso desta, em que se fica a saber a razão que leva a que uma pessoa se torne num assassino em série, num monstro terrorista.
Ou esta que até está traduzida para português do Brasil misturado com portunhol, que retrata a história verídica de Alberto, um padre jesuíta no mundo de mentira e corrupção da Igreja Católica e do mundo em geral.
Devo dizer que eu não sou crente em religiões, não acredito nas mentiras que todas as elas nos impingem para manipular e incutir o medo, não acredito na existencia de um Deus único, a existir algo superior deverão ser vários Deuses e nunca um único. Respeito quem possa ser crente e acredite que exista um Deus, a todos aconselho que leiam essa BD que falei aí em cima ( e que coloco mais uma vez aqui o link) e tirem as ilações que tenham de tirar, independentemente de ser uma obra religiosa e de uma igreja, tem questões que são pertinentes e muito importantes.
Digo só mais uma coisa "Deus está dentro de nós" acreditem nas vossas capacidades e façam para que as coisas aconteçam, se não formos nós a fazer pela nossa vida, mais ninguém faz. Desresponsabilizarmo-nos dos nossos actos é muito fácil, difícil é assumi-los.

2 comentários:

Teixeira disse...

Dois lados extremistas. O do Islão que é fechado em si próprio, mesmo quando não é deturpado e o dos cristãos americanos, habitualmente tão extremistas como qualquer seita religiosa. Não é dificil encontrar exemplos desse extremismo evangélico na internet.

Os católicos já "desistiram"...

Sou ateu e essas "conversas" metem-me uma aversão tal que sou por muitos considerado como um anti-deus. O bem está nas nossas acções e não na pseudo-fé de cada um.

Sobre as BD´s considero-as provocatórias.

Abraço
[[]]

Corduroy disse...

Eu tb não tenho klk tipo de relação com a religião neste momento... nem kero!!! Mete-me muita confusão certos ideais religiosos.

A bd tb as considero ofensivas...