sexta-feira, 11 de maio de 2007

Don´t Call Me Whitey, Nigger!

Para terminar (?) a homenagem aos Jane´s Addiction que iniciei aqui , passando por aqui e ainda aqui, vou mostrar uma parceria com os Body Count num tema polémico em que ambos os vocalistas, Perry Farrell e Ice T, se "insultam" mutuamente. Num tema original do album Stand! de 1969 , dos Sly & The Family Stone, foi gravado num dos espectaculos do Lolapalooza, onde tocaram em mais de metade dos concertos. Originalmente o convite para a parceria foi para o vocalista dos Fishbone, Angelo Moore, mas este nunca teve a oportunidade de se cruzar em palco com o Perry Farrell para cantarem juntos este tema.

Mas já chega de conversa...




Don't call me nigger, whitey
Don't call me whitey, nigger
Don't call me nigger, whitey
Don't call me whitey...
Nigger
Nigger
Nigger, nigger, nigger, nigger, nigger, nigger, nigger
I'm proud to be a-- say it loud
I'm proud to be a-- say it loud
I'm proud to be a-- say it loud
I'm proud to be a-- say it loud
Don't call me whitey, nigger
Don't call me nigger, whitey
Don't call me whitey, nigger
Don't call me nigger...
Whitey
Whitey
Whitey, whitey, whitey, whitey, whitey, whitey, whitey, whitey
I'm proud to be a-- say it loud
I'm proud to be a-- say it loud
I'm proud to be a-- say it loud
I'm proud to be a-- say it loud

NOTAS: (Ice-T partes está em italics).

Sem comentários: